Serra da Canastra

Fotos: Alessandro Abdala

 

Sacramento é uma das portas de entrada para o Parque Nacional da Serra da Canastra, cuja portaria 03 localiza-se a 70 km de sua área urbana. 

Criado em 1972, O Parque Nacional da Serra da Canastra tem uma área de 197.797 hectares,  localiza-se no sudoeste do Estado de Minas Gerais e abrange os municípios de Capitólio, Delfinópolis, Sacramento, São João Batista do Glória, São Roque de Minas e Vargem Bonita. 

De sua  área total, apenas 71.525 ha estão regularizados fundiariamente, e o restante ainda é formado por propriedades particulares. O nome Serra da Canastra deve-se à semelhança apresentada pelo imenso chapadão, que se avista de longe, a uma canastra.  Canastra é um antigo vocábulo de origem grega, assimilado pelos portugueses, utilizado para denominar um tipo de arca móvel, rústica, de formato retangular. A semelhança desse objeto com a forma da serra originou o nome. O botânico francês Auguste de Saint-Hilaire relatou que a serra merecia este nome “por ser comprida, lisa e arredondada em toda a extensão de seu topo, e cortada verticalmente nas duas extremidades, similar à forma de uma canastra”.

O grande objetivo da criação da reserva foi a proteção das nascentes do Rio São Francisco, o que levou um grupo de jornalistas mineiros a liderar uma campanha que resultou na criação do parque em 3 de abril de 1972.

A Serra da Canastra é o divisor natural de duas bacias hidrográficas: a do Rio Paraná e a do Rio São Francisco, do alto das montanhas brotam nascestes de vários afluentes que desembocam em rios como o Araguari, na bacia do Paraná. Os desníveis do relevo acidentado, com íngremes penhascos, escarpas e paredões circundando o chapadão, proporcionam paisagens singulares com dezenas de quedas d´água de rara beleza onde se destacam a cachoeira Casca D´anta,  a do Fundão e a da Parida.
A vegetação típica da transição entre a mata atlântica e o cerrado garante uma grande diversidade de espécies vegetais e animais.

Visitação:

O parque é administrado pelo Instituto Chico Mendes-ICMBio e funciona todos os dias com horário de entrada das 8 às 16h, com extensão da entrada até as 17 e saída às 19h, no horário de verão.

É cobrada taxa de entrada de R$ 8,00.

Telefone do ICMBio: 37 3433 1195